segunda-feira, 16 de setembro de 2013

Produção Gaúcha de Cachaça tem destaque

Hoje, o Brasil produz cerca de 1,2 bilhão de litros de cachaça por ano, a grande maioria é produzida na região Sudeste e Nordeste do país, mas o Rio Grande do Sul se destaca pela qualidade da sua produção, com foco na bebida artesanal, feita por agricultores familiares é responsável por apenas 30% do total produzido no país, tem espaço no mercado mais sotisficado.

É estimado que o número de produtores de cachaça no Estado seja de 1,05 mil, no entanto a Associação dos Produtores de Cana-de-Açúcar e Seus Derivados no Estado (Aprodecana) estima que sejam 2,5 mil produtores. Segundo Fernando Andrade, coordenador da Câmara Setorial das Bebidas Regionais da Secretaria da Agricultura, os obstáculos para trazerem os produtores para a formalidade são a alta carga tributária e a burocracia.

Minas Gerais é o quarto maior produtor brasileiro da bebida, mas o primeiro na lembrança quando o tema é cachaça de qualidade. Na etapa brasileira do Concurso Mundial de Bruxelas, tradicional premiação concedida a vinhos e destilados, o Rio Grande do Sul liderou o ranking de prêmios, com 8 das 22 láureas.

– Apesar de termos uma produção pequena, a cachaça gaúcha é muito respeitada – comenta Andrade.

Curiosidade
Apesar de ser tradicionalmente associada à cachaça, Santo Antônio da Patrulha, no Litoral Norte, não é a principal produtora de cachaça do Estado. A região Central, o Noroeste e o Alto Uruguai superam em volume o município. Para desenvolver o setor e aliar uma nova fonte de renda aos agricultores envolvidos, a Câmara Setorial está desenvolvendo projetos para associar a produção ao turismo. Até o final do ano, o primeiro passo do projeto, que é o desenvolvimento de rotas, deve ser concluído.